Conheça plantas fáceis de cultivar que rendem ótimos chás

Sortimentos plantas cultivadas para chás
Sortimentos – plantas cultivadas para chás

Conheça plantas fáceis de cultivar que rendem chás ótimos

As quarentenas voluntárias ou obrigatórias motivaram muitas pessoas a adotar novos hábitos ligados a hobbies e bem estar. A rotina mudou e a inclusão de atividades estimulantes e desestressantes ganharam espaço.

Entre as opções está o cultivo de plantas que rendem chás ótimos. Além de ser natural, apetitosa e versátil, a bebida milenar pode trazer vários benefícios, entre eles o fortalecimento da imunidade. Bruno José Esperança, diretor geral de rede floriculturas, listou sugestões de plantas fáceis de cultivar em casa, com funções terapêuticas, ideais para o preparo de diversos chás.

Hortelã:

Muito comum e podendo ser cultivada até mesmo em pequenos vasos, a hortelã melhora a digestão e alivia dor e náusea. Além disso, pode minimizar coceiras e sintomas de gripe, sendo eficiente também para a melhora da saúde bucal.

Menta:

Possui efeito analgésico, reduz enjoo, diminui os efeitos de tosses e dores de garganta, ajuda a reduzir o estresse e é indicada, também, para auxiliar em dietas de emagrecimento.

Erva Cidreira:

Bastante comum em todas as regiões do Brasil, tem propriedades tranquilizantes que colaboram com a melhora na qualidade do sono, alívio da dor de cabeça, além de combater gases e ser muito benéfica para o sistema digestivo.

Boldo:

Uma das principais ervas medicinais para tratamento de problemas estomacais. Ajuda na digestão, melhora o funcionamento do fígado, reduz azia e auxilia na minimização dos efeitos da gastrite.

Camomila:

Muito usada como um calmante natural, também traz benefícios para a digestão, diminui cólicas e alivia enjoos.

Losna:

Com ação anti-inflamatória, benéfica para o fígado, melhora a digestão, além de ser indicada para combater vermes.

Malva:

Recomendada para o alívio de dor de garganta, faringite e gastrite. Auxilia no tratamento de infecções e prisão de ventre, além de possuir efeitos contra aftas.

Salvia:

Eficaz na diminuição de azia e cólicas menstruais e no tratamento de tosse e garganta inflamada. Pode colaborar, também, com redução da insônia e perda de memória.

Melissa:

Com propriedades desintoxicantes, é indicada para baixar a febre, além de ajudar com a redução dos efeitos de estresse e depressão.

Erva-Doce:

Ajuda no combate a problemas estomacais, reduz gases e diminui inchaço, além de fortalecer a imunidade.

Cavalinha:
Traz benefícios para funcionamento dos rins, diminui retenção de líquido e ajuda no combate das doloridas aftas. Pode ajudar, também, no controle da oleosidade da pele.

Manjericão:

Alivia dores, combate o mal hálito e ajuda no tratamento de problemas estomacais e respiratórios.