Outback Steakhouse lança combinações de filet mignon e camarões inspiradas na tendência Surf ‘N’ Turf

OutBack SteakHouse - New Gold Steaks - Tendência Surf'N'Turf - Sortimentos.com
OutBack SteakHouse – New Gold Steaks – Tendência Surf’N’Turf – Sortimentos.com

Sortimentos Gastronomia

Outback Steakhouse lança combinações de filet mignon e camarões inspiradas na tendência Surf ‘N’ Turf

Já pensou em provar carne vermelha e frutos do mar juntos? O Outback Steakhouse apresenta os New Gold Steaks, pratos principais que chegam para proporcionar uma experiência criativa e bem diferente aos clientes. Inspirada no Surf ‘N’ Turf, uma tendência que é sucesso no mundo, a marca de temática australiana traz duas novidades com um mix de carne vermelha e camarões, explorando diferentes sabores e texturas.

As duas novidades que combinam filet mignon e camarões são: 

:: Toowoomba Shrimp Filet, um steak de filet mignon temperado ao estilo Outback e coberto com molho Toowoomba, uma combinação perfeita de camarões e champignons temperada com ervas finas ao molho Alfredo e queijo Grana. O prato é servido com um acompanhamento à escolha do cliente

:: Firecracker Shrimp Filet, um steak de filet mignon temperado ao estilo da marca e coberto com molho Firecracker Shrimp, camarões empanados envolvidos em molho firecracker, levemente picante. É servido com um acompanhamento à escolha do cliente.

Para quem prefere algo mais clássico, o Outback se inspirou na tradição do Fish’n Chips, mas no lugar do peixe, trouxe o filet mignon, dando origem ao Steak n’ Chips, opção que traz tiras de filet mignon empanadas, crocantes por fora e macias por dentro, servidos com Smoked Mayo, e acompanhamento à escolha do cliente.

As novidades do cardápio New Gold Steaks ficam disponíveis por tempo limitado e podem ser encontradas em todos os restaurantes Outback do Brasil e no delivery.

Tendência Surf ‘N’ Turf

A ideia de Surf ‘N’ Turf consiste na mistura de proteínas, tanto carnes vermelhas quanto frutos do mar, em um mesmo prato, explorando diferentes sabores, texturas e temperaturas. A técnica já existe há séculos, mas ganhou um novo significado nos Estados Unidos durante a década de 60 (Era de Ouro Norte Americana), em que alguns restaurantes da Costa Atlântica começaram a criar pratos juntando os dois ingredientes mais exclusivos da época: a lagosta e o filet mignon. Desde então, diversos chefs aperfeiçoaram os mixes de sabores e ousaram ao criar combinações inusitadas, mas foi a junção de carne vermelha e camarões que conquistou fãs em muitos países. Atualmente, a tendência ganhou força em restaurantes badalados de diversos lugares e está presente nas cozinhas mais modernas ao redor do mundo. 

( Amorim Comunicação )