Supermercados - Foto Henrique Ferreira Bregão
Supermercados – Foto Henrique Ferreira Bregão

Vendas Setor Supermercadista

Os supermercados brasileiros acumulam alta real de 2,39% até maio (deflacionadas pelo IPCA/IBGE), de acordo com o Índice Nacional de Vendas Abras, apurado pelo Departamento de Economia e Pesquisa da entidade nacional.

No mês de maio, as vendas do setor supermercadista em valores reais apresentaram queda de -1,46% na comparação com abril e alta de 2,92% em relação ao mesmo mês do ano de 2018. “Embora para muitos pareça que estamos vivendo momentos de economia estagnada, o resultado acumulado de janeiro a maio é o melhor para o período dos últimos sete anos. A recuperação está lenta, mas está acontecendo. As nossas expectativas, agora, estão na aprovação da nova Previdência ainda no segundo semestre, para impulsionar de vez a volta do crescimento econômico. A reforma da Previdência é fundamental para a evolução sustentável da economia e do ambiente empresarial, irá diminuir nosso déficit fiscal e atrair novos investimentos para o país, além de abrir espaços para outras reformas necessárias”, informa o presidente da entidade, João Sanzovo Neto.

Em relação ao resultado mensal, Sanzovo justifica que o mês de abril contou com a sazonalidade da Páscoa, e portanto, a queda de -1,46% já era esperada. No dia 30 de julho, às 11h, a Abras realizará coletiva de imprensa, na sede da entidade, em São Paulo, para divulgar o fechamento do primeiro semestre e a nova projeção de vendas para o ano de 2019. Também participarão da coletiva as consultorias Kantar, Nielsen e GfK, com dados sobre volume, frequência de compras, entre outras informações. No mês de maio, a cesta de produtos *Abrasmercado, pesquisada pela GfK e analisada pelo Departamento de Economia e Pesquisa da ABRAS, registrou queda de -0,72%, passando de R$ 485,03 para R$ 481,56. No acumulado dos últimos 12 meses (maio 2019/maio2018), a cesta apresentou crescimento de 8,15%.

Desempenho positivo
As vendas do setor supermercadista catarinense registraram um resultado positivo nos primeiros cinco meses de 2019 em relação a 2018, com 2,06%. As apurações mensais foram negativas, mantendo a tendência de oscilações que se verificam desde o ano de 2017. Os índices foram apurados na pesquisa mensal do Termômetro de Vendas, realizada pela Associação Catarinense de Supermercados (Acats).

ExpoAgas 2019 no Sortimentos.com

Empresas interessadas em apoiar a cobertura da ExpoAgas em Sortimentos.com entrar em contato através do email comercial@sortimentos.net. Os planos de apoio por R$ 450,00 ( 5 x 90,00 ), contam com inserções em todas as páginas publicadas sobre a feira e reprint nos perfis do site na mídias sociais ( Twitter, Facebook e Instagram ).