Porto Alegre – O filme neozelandês “Deathgasm” abre edição 2015 do Fantaspoa

Porto Alegre filme neozelandês Deathgasm edição 2015 Fantaspoa (3)
A abertura do Fantaspoa 2015, dia 15 de maio, às 21h15, no CineBancários – Sindicato dos Bancários, será com o filme neozelandês “Deathgasm”, que teve sua primeira exibição pública recentemente no prestigiado South by Southwest. Uma mistura de comédia e horror com rock, o longa-metragem, que conta a história de uma banda de metal que acidentalmente evoca demônios após descobrir e tocar uma partitura antiga supostamente de uma música de Satã, teve uma recepção calorosa do público e colheu diversos elogios da crítica. O diretor e roteirista Jason Lei Howden estará presente e comentará o filme com os espectadores.
O Fantaspoa 2015, que abre sua décima primeira edição com tão incrível produção, se encerra de forma não menos impactante, no dia 31 de maio: com a première mundial de “Toda La Noche”, uma coprodução da Fantaspoa Produções com as argentinas Crudo Films e NaiZ Films. O filme, codirigido pelas argentinas Tamae Garateguy e Jimena Monteoliva, trata de um casal numa festa no campo que tenta desvendar os misteriosos assassinatos de seus amigos sem saber distinguir exatamente o que é real ou efeito das drogas pesadas que consumiram. Apontadas como novas promessas do cinema de gênero, ambas trabalharam juntas nos longas-metragens “Pompeya” e “Mujer Lobo”, dirigidos por Tamae e produzidos por Jimena, ambos com destacada circulação em importantes festivais de cinema do mundo, como South by Southwest, Pifan, BAFICI e Toronto Internacional Film Festival. As diretoras estarão presentes no encerramento do Fantaspoa e participarão de debate com o público após a exibição de “Toda La Noche”.
Porto Alegre filme neozelandês Deathgasm edição 2015 Fantaspoa (2)
Considerando a proposta do evento em estimular a produção fílmica no Brasil, será realizada, durante o Fantaspoa, a première mundial de “A Percepção do Medo”, cuja produção é assinada pela Infravermelho filmes e a produtora do festival. O filme trata da compreensão dos terrores internos de quem vive nas metrópoles, e os diretores Kapel Furman, Armando Fonseca e Gurcius Gewdner expõem seus terrores perante São Paulo, Brasília e Florianópolis: a crise existencial; a pressão constante dos diversos medos; a criação de um psicopata. Já veteranos na indústria, o trio é conhecido e elogiado no circuito de festivais por obras que dirigiram, como “Pólvora Negra”(Kapel); “Velho Mundo” (Armando); e “Erivaldo, O Astronauta Místico” (Gurcius). A exibição de “A Percepção do Medo” no XI Fantaspoa será comentada pelos diretores.
XI Fantaspoa – Festival Internacional de Cinema Fantástico de Porto Alegre
:: De 15 a 31 de maio de 2015 em Porto Alegre