Caixa promove o 11° Feirão da Casa própria em 14 grandes cidades

A Caixa Econômica Federal promove, de 24 de abril a 14 de junho, a 11ª edição do Feirão CAIXA da Casa Própria. Considerado o maior do ramo imobiliário, o evento que, tradicionalmente, ocorre em 13 cidades do país conta agora com a cidade de Goiânia (GO). A capital goiana entra para o calendário de Feirões e encerra os eventos de 2015, no primeiro final de semana de junho, juntamente com as cidades de Salvador (BA) e Belo Horizonte (MG). Nesta edição, o foco da CAIXA será o financiamento de habitação popular do Programa Minha Casa, Minha Vida e das demais operações com recursos do FGTS, cujo teto máximo é de R$190 mil.
Para o Diretor de Habitação da CAIXA, Teotonio Rezende, a ampliação do número de cidades que recebem o Feirão representa o empenho da CAIXA em estender a agilidade e praticidade proporcionadas pelo Feirão a um número cada vez maior de clientes. “O Feirão CAIXA da Casa Própria é um evento consolidado e que traz grandes facilidades a todos que se interessam em adquirir uma moradia”, comenta.
Os eventos do Feirão CAIXA da Casa Própria de 2015 terão início, entre os dias 24 a 26 de abril, quando serão realizados nas capitais de São Paulo (SP), Recife (PE) e Belém (PA). Após os finais de semana do Dia do Trabalhador e Dia das Mães, o Feirão será realizado, de 15 a 17 de maio, nas cidades de Fortaleza (CE), Campinas (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Curitiba (PR). No fim de semana seguinte, de 22 a 24 de maio, o Feirão da Casa Própria segue para Brasília (DF), Uberlândia (MG), Florianópolis (SC) e Porto Alegre (RS). Nos dias 12, 13 e 14 de junho, o Feirão encerra seu calendário, com a chegada às cidades de Belo Horizonte (MG), Salvador (BA) e Goiânia (GO).
O Feirão CAIXA da Casa Própria de 2015 conta com mais de 1.400 parceiros. São cerca 660 construtoras e 390 correspondentes imobiliários CAIXA, além de 354 imobiliárias, que ocuparão os estandes do evento durante os quatro finais de semana de realização. Serão 822 empreendimentos novos que estarão com as suas unidades em oferta, nas 14 cidades onde o Feirão acontece. A previsão inicial é de que o número de imóveis ofertados seja superior a 200 mil. Serão 5.858 empregados envolvidos com a realização dos eventos deste ano.
Atendimento:
Para requerer o crédito para casa própria, no Feirão, basta levar documento de identidade, CPF e comprovante de renda.
Calendário dos Feirões:
Confira o quadro completo, com os locais e horários de cada Feirão deste ano: