Aqui Jaz – Psiquiatra e educador Içami Tiba morre aos 74 anos

Icami Tiba
O psiquiatra, educador e escritor Içami Tiba morreu às 19h, de domingo (2.8.15), no Hospital Sírio Libanês em São paulo/SP, onde fazia tratamento de câncer desde janeiro de 2015. O sepultamento será às 16h de segunda-feira (3.8.15) no Cemitério do Morumbi, em São Paulo. Içami Tiba deixa a mulher Maria Natércia, os filhos Natércia Tiba, André Luiz Martins Tiba e Luciana Martins Tiba, os netos Kaká e Dudu.
Içami Tiba filho de imigrantes japoneses, que vieram ao Brasil em 1936, se formou em medicina pela Universidade de São Paulo, em 1968, e fez especialização em psiquiatria pelo Hospital de Clínicas.
Ele foi professor de Psicodrama de Adolescentes no ‘Instituto ‘Sedes Sapientiae’; primeiro presidente da ‘Federação Brasileira de Psicodrama’ (1977 a 1978); e membro diretor da ‘Associação Internacional de Psicoterapia de Grupo’ (1997 a 2006) e professor. Escreveu mais de 40 livros sobre educação, entre eles, Sexo e Adolescência (Editora Ática); Puberdade e Adolescência (Editora Ágora); Saiba Mais sobre Maconha e Jovens (Editora Ágora); 123 Respostas sobre Drogas (Editora Scipione); Adolescência, o Despertar do Sexo (Editora Gente); Seja Feliz, Meu Filho (Editora Gente); Abaixo a Irritação (Editora Gente); Anjos Caídos – Como Prevenir e Eliminar as Drogas na Vida do Adolescente (Editora Gente); Quem Ama, Educa! (Editora Gente); Homem-Cobra, Mulher-Polvo (Editora Gente) e Adolescentes: Quem Ama, Educa! (Integrare Editora).