Fenim Edição Moda Outono Inverno 2011 – Grifes do Polo de Moda de Petrópolis exibem coleção Bosque das Sensações

13/01/2011 || 18:01 |   

Grifes do Polo de Moda de Petrópolis exibem coleção Bosque das Sensações na Fenim Inverno 2011

O Polo de Moda de Petrópolis apresenta na Fenim Edição Moda Inverno 2011,
feira que ocorre de 25 e 28 de janeiro de 2011, no Pavilhão de Exposições
do Serra Park, em Gramado (RS), na Serra gaúcha, sua coleção
para a temporada Outono / Inverno 2011, intitulada “Bosque das Sensações”,
inspirada no talento de reunir sensações em cortes, tecidos e detalhes.

Coleção Outono Inverno 2011 Polo de Moda de Petrópolis
Um livro, um filme, uma peça de teatro, uma obra de arte. Se não emocionar,
não espere resposta do público. Pois foi deste conceito que nasceu o tema
da Coleção Outono Inverno 2011 do Polo de Moda de Petrópolis.
“Bosque das Sensações” é provocador, aventureiro, sentimental,
tem cheiro e traz para a realidade das vitrines a presença do fantástico,
das histórias que nos mostram que não estamos sozinhos no mundo.

A escolha do tema da nova coleção serrana fluminense também
vem ao encontro do que o mundo da moda concebeu como tendência
para o inverno 2011. Em tempos de construir e reconstruir, de encontrar
arte em tudo e de recriar a máxima do “luxo que é lixo”, de desperdício zero
e por que não, do resgate de todas aquelas profecias que diziam que algo
está mudando… então que seja para melhor!

É desta forma que o Polo de Moda de Petrópolis investe no potencial criativo
e descobre o talento de reunir sensações em cortes, tecidos e detalhes.
São paetês, entrelaçados, cotelês, couros amassados, desgastados,
relevos, pontos de tricô, plumas, pêlos, canelados e rendados
que transformam qualquer roupa. As estampas nos levam de volta
à natureza exuberante da Mata Atlântica brasileira ou ainda da selva africana.
Há bordados, amarrações, drapeados e acessórios, muitos acessórios…
enfim, nada se perde. Tudo isso com um toque da tecnologia digital
que ajuda a tornar os looks mais interessantes, quase que em volume 3D.

Os encaixes das peças devem ser perfeitos para minimizar o desperdício
de tecido. Não é à toa que a nova opção do Polo de Moda de Petrópolis
é pelo corte digital, que diminui em mais que 20% o desperdício de tecido.
Hoje, mais de 50% das confecções do polo serrano investem
no maquinário digital. Elas conquistaram ainda um Centro de Design,
espaço comum que funciona no Centro de Moda e Serviços da Rua Teresa,
para facilitar a impressão em plotter dos moldes e capacitar mão de obra
para quem decidir ter seu próprio equipamento.

Grifes do Polo de Moda de Petrópolis exibem coleção Bosque das Sensações na Fenim Inverno 2011

Criações Inverno 2011 Polo de Moda de Petrópolis
A mulher sensual encontrará peças com aplicação e detalhes em couro
ou em tecidos. A calça skinny e a legging continuarão em alta delineando
o corpo feminino. A romântica terá a chance de revisitar os anos 50 e 60,
onde as cinturas eram marcadas com saias godê e top corseletes
de inspiração nas lingeries. As golas ganham charmosos laços
e as estampas florais serão monocromáticas, com rosas e mais rosas.

O tricô é outra vedete da estação e estará presente até no segmento
lingerie. Vestidos no estilo vintage com rendas guipire acompanhadas
de jaqueta de couro ou blazer com forro estampado vão estar
no guarda-roupa das mais antenadas. As saias retornam
com babados e rendas. Cintos finos continuam marcando a cintura.

A mulher esportiva terá modelos com inspiração nos esportes radicais
e no desejo de voar. Asas como estampas ou aplicações em alto relevo
chamarão a atenção. Ombros com aplicações, sobreposição de mangas,
nervuras e detalhes, além do moletom que, pasmem, aparece em modelagens
de alfaiataria. Já a mulher contemporânea terá as cores azul, caramelo
e bordeaux como as favoritas do guarda roupa. Com a alfaiataria em alta,
a  mulher desse perfil poderá resgatar itens clássicos e atemporais,
como o trenchcoat, a calça com bom corte, o blazer, o maxi cardigã
e a camisaria que virá em tecidos mais nobres e leves como a seda.
Assimetrias e volumes irregulares trazem para o perfil um visual
moderno. A calça carrot, a cigarrette e a pantolona são os modelos
escolhidos para a parte de baixo, sem esquecer as bermudas com pregas.

A mulher irreverente também vai encontrar bastante espaço para suas
brincadeiras e excentricidades no patchwork de texturas, no trabalho
artesanal (crochê, tricôs, bordados e afins), nos jacquards e na estamparia.
Para complementar o visual, leggings estampadas e texturizadas
ou ainda em tricô, além do xadrez combinado com o floral.

Moda é destaque na economia petropolitana
O Polo de Moda de Petrópolis é composto atualmente por 800 indústrias
formais que, juntas, produzem 100 milhões de peças por ano
e representam 14% do PIB petropolitano. São mais de 40 mil empregos
diretos e indiretos em toda a cadeia produtiva, da fabricação
até a comercialização de roupas e acessórios. Como forma de divulgar
a marca conjunta e ampliar sua visibilidade, o Polo de Petrópolis
sempre participa cada vez mais das bolsas de negócios e feiras
de moda nacionais. É a chance de fechar vendas diretas e ampliar
a rede de contatos, o que pode chegar à marca de 20% de crescimento
no ramo em 2011.

Grifes do Polo de Moda de Petrópolis exibem coleção Bosque das Sensações na Fenim Inverno 2011
 
Grifes do Polo de Moda de Petrópolis na Fenim
Artti Rio, Branca Maria, Calabrote, Cola Colorida, Mc Kenzie Store,
Off Rio, Tazza, Thiamo, Water Color.